Contra a industrialização da desinformação: educomunciação!

A comercialização da mentira e da desinformação em uma escala industrial no mundo pode enfraquecer democracias, estimular polarizações e violências, entre outras consequências e o Brasil é um exemplo do que vem acontecendo. Políticas públicas de educomunicação / alfabetização midiática e informacional desde a educação básica podem ser um caminho para termos uma sociedade mais preparada para lidar com a infodemia e a desinformação e ser mais consciente de seus direitos, inclusive o direito à comunicação e a importância de uma imprensa forte e independente.

A pesquisa “Industrialized Disinformation 2020 – Global Inventory of Organized Social Media Manipulation”, do Oxford Internet Institute (OII) da Universidade de Oxford, que foi divulgada em janeiro de 2021, apontou que 81 países – incluindo o Brasil – foram cenários “propaganda computacional” e “desinformação industrializada” sobre temas políticos em 2020. Essas iniciativas foram promovidas profissionalmente por agências governamentais e outros atores institucionais ou privados – empresas, partidos e influenciadores digitais.

O Brasil aparece no estudo com “tropas cibernéticas” dedicadas a atacar opositores do governo e aumentar a polarização na sociedade, entre outras estratégias. Uma das “armas” usadas são as “fake news”, inventadas para manipular a opinião pública e os ataques mais frequentes são aqueles voltados contra jornalistas e meios de comunicação que críticos ao governo; contra políticos e funcionários públicos. Fonte: Trechos de matéria da CNN Brasil (Texto completo: https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/brasil-tem-tropa-cibernetica-de-desinformacao-diz-estudo-da-oxford/

Programa de Combate à #Desinformação
A Iandé Comunicação e Educação junto com SOS Imprensa (FAC/UnB), ABPEducom, NCE/USP e Rede Nacional de Combate à Desinformação - RNCD, além dos parceiros Instituto Devir Educom, Palavra Aberta /Educamídia, Lupa Educação e Vaza Falsiane juntamos esforços a convite da RNCD e STF para colocar a desinformação em pauta nas redes, escolas, universidades e organizações diversas, especialmente neste período próximo às eleições.
Siga nossas redes e acompanhem nossas ações!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sites para baixar ou ler livros em espanhol

O perfil do professor mediador

A comunicação na sala de aula