Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2011

Revista Dois Pontos

Imagem
Dica do blog Mídias na Educação, do NCE/USP: A  Revista Dois Pontos  é uma publicação eletrônica de caráter mais geral sobre a educação. No último número, há algumas matérias interessantes que se relacionam com o universo das mídias. Uma discute a relação dos jovens com as redes sociais e outra a "twitteratura". Além dessas reportagens, há uma matéria sobre o educador Paulo Freire. A revista pode ser vista neste  link Fonte:  http://midiaseducacao.blogspot.com/2011/11/revista-dois-pontos.html

Limites entre informação e entretenimento

Compatilhamos abaixo análise do pesquisador Fábio Ribeiro, da Universidade do Minho, Portuigal, sobre o conceito de 'infotainment' a partir de um fato que aconteceu em Portugal na última semana de novembro e como se deu a cobertura jornalística do mesmo: a candidatura do fado a Patrimônio Imaterial da Humanidade. Vejam abaixo o texto e reflitam a respeito! Por Fábio Ribeiro - Universidade do Minho Uma das questões mais sublinhadas pela literacia mediática consiste na distinção clara das fronteiras entre determinados conteúdos que os media, neste caso o jornalismo, promovem e difundem. Concorrendo justamente para a ideia de uma literacia da informação, tive recentemente uma discussão prolongada com um familiar sobre um ponto que pode perfeitamente encaixar-se neste tema. Por cá, na última semana, decorreu uma [extensiva] cobertura mediática sobre a candidatura do fado a Património Imaterial da Humanidade. Televisões, rádios, imprensa e edições jornalísticas online trabalha

Um novo realismo

Imagem
Por Ferreira Gullar Quem, como eu, admite que a vida é inventada e que a arte é um dos instrumentos dessa invenção terá do fenômeno artístico, obrigatoriamente, uma visão especial. Não é só através da arte que o homem se inventa e inventa o mundo em que vive: a ciência, a filosofia, a religião também participam dessa invenção, sendo que cada uma delas o faz de maneira diferente, razão por que, creio, foram inventadas. Se a filosofia inventasse a vida do mesmo modo que a ciência ou a religião o faz, não haveria por que a filosofia existir. A conclusão inevitável é que todas elas são necessárias, ainda que cada uma a seu modo e sem a mesma importância para as diferentes pessoas. E o curioso - para não dizer maravilhoso - é que, de alguma maneira ou de outra, a maioria das pessoas, senão todas, usufrui, ainda que desigualmente, de cada uma delas. A arte é exemplo disso. Não importa se esta ou aquela pessoa nunca viu a Capela Sistina, porque, no dia em que vir, se renderá à sua

O projeto Mídia Jovem é selecionado para concorrer ao Prêmio ANU 2012

O Mídia Jovem - projeto desenvolvido pelo Instituto Recriando com o apoio do Governo de Sergipe e apoio do Oi Futuro, que utiliza a metodologia da Educomunicação para transmitir aos educandos técnicas de confecção de produtos midiáticos, além de estimular entre os adolescentes e jovens discussões sobre temas relevantes para a formação da cidadania - está concorrendo na seletiva estadual para o Prêmio ANU 2012. O projeto foi uma das mais de 30.000 ações inscritas em todos os Estados do Brasil, mais o Distrito Federal. Em Sergipe O Mídia Jovem concorre com mais quatro projetos que participarão da votação popular no site do evento. Entre os dias 25 de novembro e 30 de dezembro, essas cinco ações estão disponíveis a votação popular online através do site Prêmio ANU . No dia 31 de dezembro ao meio dia, será divulgada a instituição mais votada de cada Estado. Essas instituições já recebem o prêmio Anu Dourado. Nesta mesma data, as 27 finalistas concorrem à votação popular para a melhor ação

Constituyen Instituto Latinoamericano de Comunicación para el Desarrollo

Asunción, Paraguay, 28 de noviembre (OCLACC).-  Con la finalidad de promover en América Latina una comunicación para el cambio social y el desarrollo humano integral, un grupo importante de comunicadores del continente constituyó el Instituto Latinoamericano de Comunicación para el Desarrollo. Dicho evento se dio en el marco del exitoso I Foro de Comunicación para el Desarrollo , que tuvo lugar, en la capital paraguaya, del 24 al 25 de noviembre. La primera Comisión Directiva quedó conformada de la siguiente manera: Presidente Honorario un paraguayo paradigmáticamente importante en el mundo de la cultura y la comunicación: Juan Díaz Bordenave. Presidente en ejercicio: Washington Uranga (Argentina). Los demás integrantes, Anamaría Rodríguez (Colombia), Pepe Arevalo (Perú), Gerardo Lombardi (Venezuela - ALER), Thomas Tufte (Dinamarca) y Rogelia Zarza (Paraguay), en la Dirección General. Según don Juan Díaz Bordenave, La comunicación es un derecho fundamental inherente a todo ser huma

CHILDREN NEED MORE HELP TO BLOCK ONLINE THREATS SAYS EUROPEAN INTERNET STUDY

Internet companies should provide more ways for children to block, filter or report alarming online content and contacts, recommends a new study for the European Commission. The report suggests that both children and parents are reassured when given tools to take action against online dangers such as bullying, sexual content and intrusive strangers. Yet they often don’t use the options available (including online safety advice or the so-called ‘panic buttons’ operated by social networking sites) and the industry could do more to promote their use. More than 25,000 children from across Europe (and one of their parents) were interviewed for the study,  EU Kids Online , based at the London School of Economics and Political Science and funded by the Commission’s Safer Internet Programme. The study revealed that while 70 per cent of parents talk to their children about what they do on the internet and more than half offer practical advice and support, relatively few use technical too

Papel da televisão educativa é discutido em série inédita

A TV Escola do Ministério da Educação apresenta  a partir de terça-feira, 29, até 2 de dezembro , a série  TV e Educação: Capítulos de uma História . Os episódios abordam a relação entre o audiovisual e a educação e indicam como a mídia, especialmente a televisão, pode produzir uma programação educativa. Produzida pela TV Escola, a série, que irá ao ar sempre às  19 horas , aborda aspectos da história e do desenvolvimento da televisão voltada para a educação. Mostra ainda a relação com o público de educadores e como os temas educativos são trabalhados na programação. Ao debater o uso da TV para a veiculação de temas voltados para o público escolar — professores, gestores, alunos e comunidade, na relação desta com a escola —, os episódios mostram o desenvolvimento dos primeiros programas e as relações entre conteúdo educativo e formatos televisivos, como os telecursos e teleaulas. Aspectos como a repercussão da televisão na formação de professores e impacto do uso da TV em salas de aula

Jornalistas sofrem abuso sexual no Cairo

Até quando as mulheres jornalistas serão vítimas deste tipo de violência enquanto trabalham? Até quando mulheres sofrerão abusos e violências sexuais sem que seus agressores sejam devidamente punidos?  Como a educação pode prevenir casos como esses? Folha de S.Paulo - Mundo – 25/11/2011 – Pág. A13 Duas jornalistas, uma de nacionalidade egípcia-americana e outra francesa, afirmaram ter sido vítimas de violência sexual enquanto trabalhavam na cobertura das manifestações contra o governo egípcio no Cairo. Mona el Tahawy , colunista do jornal americano "Washington Post" e de publicações do Canadá e Israel, alegou ter sido atacada por integrantes da unidade de controle de distúrbios da polícia do Egito. Ela afirmou ter sido presa e levada para o edifício do Ministério do Interior, onde teria sido agredida e tido o braço esquerdo e a mão direita quebrados. "Cinco ou seis homens me cercaram, tatearam e agarraram meus seios e minha área genital. Perdi a conta de qu

III Encontro Brasileiro de Educomunicação disponibiliza programação

Imagem
III Encontro Brasileiro de Educomunicação acontece dias 2 e 3 de dezembro na ECA/USP. A promoção do evento é do  Departamento de Comunicações e Artes da ECA/USP, da L icenciatura em Educomunicação do CCA-ECA/USP, do  Curso de Especialização em Educomunicação do CCA-ECA/USP, do  NCE- Núcleo de Comunicação e Educação da USP e da  Revista de Comunicação & Educação – CCA-Edições Paulinas. Contexto e Objetivos O  III Encontro Brasileiro de Educomunicação  tem dois grandes objetivos: celebrar a Década de Educomunicação e apresentar o Curso de Especialização em Educomunicação. A década se inicia em 2001, com a difusão das pesquisas do NCE-USP e termina em 2011, com a implantação da Licenciatura e a apresentação da Especialização em Educomunicação. Foi justamente ao longo deste período de tempo que o Brasil assistiu à implementação do mais expressivo programa de políticas públicas na área, o Programa de Educomunicação da Secretaria de Educação da Prefeitura de São Paulo. O feito foi seg

O que é Educomunicação?

Imagem
Compartilhamos abaixo texto da turma de licenciatura em Educomunicação da ECA/USP. A ideia é fazer com que o conceito torne-se mais claro para quem ainda não o conhece. Para isso, os alunos destacaram alguns tópicos que consideram fundamentais no conceito da Educomunicação. Leiam e reflitam! "Se você quer saber o que é Educomunicação, o que podemos adiantar é que Educomunicação é um conceito em construção, mas que tem premissas importantes e bem definidas. Selecionamos dos textos do  Prof. Ismar de Oliveira Soares  alguns tópicos que ajudarão a entender por onde caminhamos: A Educomunicação é um  conjunto das ações  inerentes ao planejamento e implementação de processos e produtos destinados a: Ampliar a  capacidade de expressão  de todas as pessoas num espaço educativo; Melhorar o  coeficiente comunicativo  das ações educativas; Desenvolver o  espírito crítico dos usuários  dos meios de comunicação; Usar adequadamente os  recursos da informação  nas práticas educativas;