Postagens

Mostrando postagens de 2022

Combate à desinformação nas Eleições 2022 é tema do Misinfocon Brasil

Imagem
  Em 13 de junho acontece no país o MisinfoCon Brasil, com foco no combate à desinformação nas Eleições 2022. O evento local, em formato híbrido, é uma realização da Lupa e da Hacks/Hackers, comunidade internacional formada por jornalistas e programadores, com parceiros locais. Entre os temas abordados estão educação midiática e fact-checking, A última edição do MisinfoCon aconteceu no mês passado no International Journalism Festival, na Itália. De acordo com a Lupa, o MisinfoCon "é um movimento global que busca a construção de soluções sobre verificação, fact-checking e experiência do usuário em abordagens sobre desinformação em todas as suas formas." Durante o dia, o público participante poderá ouvir e interagir de forma online com grandes nomes no cenário do combate à desinformação. Também haverá espaço para apresentação de pesquisas na área, além de dois workshops online com a equipe da Lupa. O encerramento do evento acontecerá de forma presencial com  um bate-papo sobre

Agência Mural cria área de treinamento e laboratório de jornalismo

Imagem
Depois de 12 anos de atuação a Agência de Jornalismo das Periferias lançou no último dia 6 de maio o Clube Mural, espaço de formação, produção, aprendizagem e trocas de experiências no campo do jornalismo das periferias, sob a coordenação de Cíntia Gomes. A agência já desenvolvia o Mural nas Escolas, programa de educação midiática voltado a estudantes do ensino médio de escolas públicas da região metropolitana de São Paulo, desde 2014, a partir do qual abordava questões de representatividade e diversidade na mídia,  reflexões sobre a influência da comunicação na desconstrução de estereótipos, promoção da igualdade e geração de oportunidades. Com a Mural nas Universidades os estudantes universitários passaram a receber também oficinas e palestras com foco na cobertura hiperlocal periférica, com foco em ampliar a visão jornalística sobre a cobertura dos grandes centros urbanos e na melhoria da qualidade desta cobertura. Além disso, são realizados workshop de educação midiática para profe

Unisinos oferece curso gratuito de educação midiática

Imagem
Até o dia 20 de maio professores de ensino básico de escolas públicas e privadas do Rio Grande do Sul podem se inscrever para o curso online e gratuito de educação midiática desenvolvido pelo Núcleo Universitário de Educação para as Mídias (Nuvem) da Unisinos. A formação, com certificado de participação, tem apoio da Embaixada e Consulados dos EUA no Brasil e vai oferecer duas oficinas online com especialistas do Brasil e dos Estados Unidos.  Entre os temas discutidos estão letramento midiático e digital, redes sociais e discurso de ódio, fact-checking e desinformação. Após participarem das capacitações gratuitas, os professores participantes poderão apresentar projetos para colocar os conhecimentos em prática em seus planos de ensino, podendo ter seu trabalho publicado em um e-book. Uma comissão multidisciplinar irá escolher 10 trabalhos de destaque para publicação. A chamada completa e outras informações do programa estão disponíveis no site: http://www.nuvem.unisinos.br/ Fonte: Unis

Le Monde Diplomatique Brasil traz à tona a manipulação política no contexto das plataformas digitais

Imagem
A nova edição do Le Monde Diplomatique Brasil traz à tona a manipulação política no contexto das plataformas digitais. Na edição, Bia Barbosa, Helena Martins e Jonas Valente explicam os motivos pelos quais o combate à desinformação não pode depender apenas das plataformas digitais.  "As plataformas não são neutras. Para elas, quanto mais determinado conteúdo gerar cliques e outras formas de interação, melhor, pois isso resulta em mais audiência e dados. Não há, portanto, uma preocupação ética por parte da indústria em combater o fenômeno da desinformação, mas essencialmente o objetivo de lucrar com a captura da atenção e sua venda para publicidade." Veja mais em: https://diplomatique.org.br/combate-a-desinformacao-nao-pode-depender-apenas-das-plataformas/  

Inscrições abertas para o curso internacional: "𝐀 𝐢𝐧𝐟𝐚̂𝐧𝐜𝐢𝐚 𝐧𝐨 𝐜𝐞𝐧𝐭𝐫𝐨 𝐝𝐚 𝐩𝐚𝐮𝐭𝐚"

Imagem
Até 11 de maio estão abertas as inscrições para o curso internacional: "𝐀 𝐢𝐧𝐟𝐚̂𝐧𝐜𝐢𝐚 𝐧𝐨 𝐜𝐞𝐧𝐭𝐫𝐨 𝐝𝐚 𝐩𝐚𝐮𝐭𝐚", desenv olvido pelo Instituto Arcor (Brasil e Argentina) em parceria com a  ANDI - Comunicação e Direitos  e certificado pela  Udesc - Universidade do Estado de Santa Catarina  e pela  Universidad Nacional de Mar del Plata . Seu conteúdo destina-se especificamente a jornalistas, comunicadores e estudantes de áreas relacionadas, com foco temático nos 𝐝𝐢𝐫𝐞𝐢𝐭𝐨𝐬 𝐝𝐚 𝐢𝐧𝐟𝐚̂𝐧𝐜𝐢𝐚. A carga horária total é de 80 horas-aula e as atividades contam com tutoria em espanhol e português (Iandé Comunicação e Educação) para apoio aos alunos. As vagas são limitadas! O curso terá início na quinta-feira, dia 𝟏𝟐 𝐝𝐞 𝐦𝐚𝐢𝐨. Há tempo para fazer a pré-inscrição, preenchendo o formulário disponível em  https://bit.ly/39sEvoV

A cobertura jornalística e os direitos da infância e da adolescência é tema de webinário no dia 10

Imagem
Na próxima terça-feira (10/05) acontece o webinário “A cobertura jornalística e os direitos da infância e da adolescência”. Às 15h, vamos discutir temas urgentes para a garantia de direitos desse público. O evento, realizado pelo Instituto Arcor (Brasil e Argentina), em parceria com a ANDI - Comunicação e Direitos, contará com tradução simultânea em português e espanhol. Para se inscrever, basta preencher o formulário disponível em: bit.ly/infância-centro-da-pauta Conheça os tópicos em debate e os profissionais deste webinário que representa a aula inaugural do curso online e gratuito "A infância no centro da pauta", com inscrições abertas: ✅ 'Pobreza e desigualdade na infância: desafios para a mídia' – @mariacaroltrevisan, Jornalista Amiga da Criança; ✅ 'Prioridades para a educação no contexto pós-pandemia' – Albertina Marquestau, diretora do site de notícias Bacap e professora da Universidade Nacional de Mar del Plata; ✅ 'Crianças e adolescentes migrant

Abertas as incrições para a 2ª edição do "Mestrado em Literacia dos Media" da ULP

Imagem
Estão abertas as inscrições para a 2ª edição do M estrado em Literacia dos Media e da Informação e Cidadania Digital - MILCitizen da Universidade Lusófona do Porto, que centra-se nas questões prementes da sociedade midiatizada sobre as literacias digitais, críticas e transversais sob o ponto de vista midiático, mas também cívico, especialmente porque a s questões da cidadania estão inegavelmente ligadas à educação para a mídia. O mestrado segue as diretrizes da UNESCO sobre Media and Information Literacy (MIL)/ Alfabetização Midiática Informacional (AMI) e centra-se em algumas das questões mais importantes da sociedade digital como a desinformação, a cidadania digital, a criatividade digital e as políticas públicas. Existem três vias para conclusão deste curso: dissertação, projeto e estágios ( realizados em entidades de reconhecido mérito nacional e internacional). Este ciclo de estudos foi concebido para melhorar e especializar as competências de profissionais na área MIL, criar nov

Educação para consumo de mídia é tema de evento na ESPM

Imagem
"Competências midiáticas na escola" é o tema da segunda mesa temática do evento  “Educação para o consumo de Mídia”,  realizado pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Práticas do Consumo da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing) e voltado a educadore(a)s e interessado(a)s na discussão sobre Fake News e Desinformação, tema atual e urgente a ser debatido nos espaços educativos. O evento, online, ao vivo e gratuito, acontece dia 10 de maio, às 19h e emitirá certificado de participação. Haverá ainda o lançamento do livro “Comunicação, Educação e Consumo: as interfaces da teleficção”, organizado por Maria Aparecida Baccega, Andréa Celeste Montini Antonacci e Joana A. Pellerano. A promoção é da Cátedra Maria Aparecida Baccega, uma parceria entre ESPM e Instituto Palavra Aberta, juntamente ao Grupo de Pesquisa DIGICOM (Comunicação, Literacia Digital e Consumo).  A primeira mesa, "Política e Publicidade no contexto da desinformação", aconteceu no dia 3 d

Dicas de eventos da semana (1)

Imagem
Veja alguns eventos que a Iandé Comunicação e Educação sugere para esta semana Nos dias 4 e 5 acontece o II Seminário Internacional de Estudos Críticos em Informação, Tecnologia e Organização Social, cujo tema é "Competência Crítica em Informação no século XXI". Os palestrantes convidados são três pesquisadores da critical information literacy nos Estados Unidos: Michelle Simmons, James Elmborg e Eamon Tewell. As inscrições para o evento, que emitirá certificado de participação, estão abertas e podem ser feitas em: http://escritos.ibict.br/ii-seminario-internacional-escritos-inscricoes-abertas/ No dia 5 será lançado o livro "Competência Crítica em Informação: teoria, consciência e práxis" (IBICT, 2022), com a participação de autores de diferentes regiões do Brasil, além dos palestrantes do evento, que foram entrevistados pelos moderadores do seminário, Arthur Coelho Bezerra, Marco Schneider e Ana Lúcia Borges.   Ambos os eventos contam com apoio de IBICT, UFRJ, CNP

Dia Mundial da Liberdade de Imprensa com live e lançamento de dossiê

Imagem
Hoje, 3 de Maio, é Dia Mundial da Liberdade de Imprensa. Para marcar a data o Observatório da Ética Jornalística (objETHOS) e a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) lançam o dossiê Ataques ao Jornalismo e ao Seu Direito à Informação, publicação que aprofunda o debate sobre a violência contra o jornalismo no Brasil e seus impactos nos direitos da sociedade, como o direito à informação. O lançamento contará com uma live no YouTube e reúne a presidenta da federação, Maria José Braga, e um dos coordenadores do grupo de pesquisa objETHOS, Rogério Christofoletti. A live começa às 19h30 com transmissão simultânea por canais de sindicatos dos jornalistas de todo o Brasil no Facebook.  Sobre o dossiê: A publicação tem 41 páginas, formato  eletrônico para download,  é dividida em quatro capítulos e foi produzida ao longo de três meses. Ela partiu de dados apresentados no “Relatório de Violência contra Jornalistas e Liberdade de Imprensa 2021”, elaborado anualmente pela FENAJ desde 1998, e

Grupo de jovens brasileiros coordenado pela Iandé Comunicação e Educação participa de debate da Unesco e governo do Japão sobre MIL

Imagem
A Iandé Comunicação e Educação* participou na manhã de hoje (14 de abril) da segunda sessão do evento “Media and Information Literacy – Big Thinkers Armed With Information, organizado pela UNESCO (#UnescoMilClicks) e pelo Estado do Japão (Japanese Funds-in-Trust) que teve início no dia 12 e prossegue até 29 de abril, com o objetivo de capacitar os jovens e aprimorar suas habilidades de debate sobre desafios e oportunidades sociais em conexão com temas de alfabetização midiática e informacional. A Iandé foi representada pelos estudantes de Comunicação da UnB Luiz Berto Neto e João Lucas Amaral, que também representaram o Brasil no debate com jovens peruanos da organização “A Mí No Me La Hacen”. O tema desta segunda sessão, que teve como mentoras Noémie Grette (França) e a Dra. Anubhuti Yadav (Índia) foi: “Do you believe there is a difference between a digital persona and real life?”. O evento contou ainda com os comentários de Narine Kachatryan (Armênia) e a luxuosa presença de Alton Gr

Lançamento de livro gratuito "Competência crítica em informação: teoria, consciência e práxis "

Imagem
Competência crítica em informação: teoria, consciência e práxis é o título do recém-lançado livro organizado por Arthur Coelho Bezerra e Marco Schneider, que traz uma seleção de 14 capítulos de autoras e autores do Norte, Nordeste, Sul e Sudeste do Brasil, além de um capítulo original em inglês e três entrevistas em profundidade com pesquisadores que discutem o tema desde o início do século XXI. Ao longo da obra, são abordados temas como prática pedagógica, engajamento político, protagonismo social, desigualdade, feminismo, infância, desinformação, vigilância e privacidade, dentre outros fenômenos de interesse da sociedade. Tomados em conjunto, os capítulos e entrevistas refletem a amplitude da pesquisa brasileira, em atuais abordagens críticas, sobre as habilidades e competências exigidas pelo mundo contemporâneo, assim como sobre a necessidade de engajamento dos indivíduos nas disputas que permeiam os novos regimes de informação, tendo em vista o compromisso ético com um mundo melhor

LaPCom/UnB lança segunda edição dos Cadernos de Conjuntura das Comunicações

Imagem
O Laboratório de Políticas de Comunicação da Universidade de Brasília (LaPCom/UnB) convida a todas(os) para o lançamento da nova edição dos Cadernos de Conjuntura das Comunicações, uma publicação em parceria com a União Latina de Economia Política da Informação, Comunicação e Cultura-Capítulo Brasil (Ulepicc-Brasi).  O lançamento será realizado sexta-feira (08) às 11h, no canal do LaPCom no Youtube. Nesta edição, o tema é "Desinformação, crise democrática e políticas de comunicação e cultura". Os textos trazem análises sobre a conjuntura das comunicações no ano de 2021. Assim, ao longo de dez artigos, pesquisadores discutem temas como o Projeto de Lei das Fake News, tendências regulatórias da Inteligência Artificial, questões relacionadas ao leilão do 5G, ameaças institucionais à Ancine, proteção de dados pessoais, ataques à comunicação pública, entre outros. O objetivo é que a publicação possa servir para fomentar debates a respeito dos temas abordados. Contribuíram para est

Unisinos lança programa de educação midiática para professores do ensino básico

Promover formação sobre letramento midiático entre professores do ensino básico do   Rio Grande do Sul   é o principal objetivo do Desafio Nuvem de Educação Midiática. O projeto, desenvolvido pelo Núcleo Universitário de Educação para as Mídias (Nuvem) da   Unisinos , foi lançado no sábado (2), durante um debate online sobre “O papel da escola na educação para as mídias”.  (Por  JHULLY COSTA) Transmitido ao vivo pelo canal do  YouTube do Portal Mescla , o painel ocorreu a partir das 11h, com a participação de Guilherme Canela, chefe da seção de liberdade de expressão da Unesco, Clara Becker, cofundadora do projeto Redes Cordiais, e Pedro Moreira, editor-chefe de  GZH  e coordenador dos projetos Fluência em Notícias e Por Dentro de GZH.    Com o apoio da Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil, por meio do Consulado-Geral dos EUA em Porto Alegre, o Desafio Nuvem oferecerá capacitações gratuitas, com especialistas brasileiros e estadunidenses, na temática da educação midiátic

O Ekome está organizando um webinar sobre Media and Information Literacy no próximo dia 6

Imagem
O EKOME, o Centro Nacional de Mídia e Comunicação Audiovisual em Atenas, Grécia, está organizando o 2º webinar do EKOME MIL Webinar Series – Round II sobre o tema “ “Media & Information Literacy & AI in News Literacy”, nesta quarta-feira, 6 de abril, 16h00-17h00 EET (hora de Atenas) ou 10h às 11h (hora do Brasília). Oradores: Jeremy Bonan, Diretor Adjunto - Direção de Plataformas Online da nova Autoridade Reguladora de Comunicação Audiovisual e Digital – ARCOM – França Antigoni Themistokleous, oficial da Autoridade de Televisão de Rádio de Chipre - CRTA Oliver Vujovic, secretário-geral da SEEMO - South East Europe Media Organization O webinar é co-organizado com o Grupo Mediterrâneo para a Aliança MIL da UNESCO. Irene Andriopoulou, chefe de pesquisa, estudos e educação do EKOME e co-secretária-geral do ISC para a UNESCO MIL Alliance é a moderadora da série de webinars EKOME MIL. Cadastre-se aqui pela plataforma ZOOM: https://us06web.zoom.us/webinar/register/WN_u-wAdWG6QQSiSBo2w

Projeto Comprova lança minicurso sobre desinformação voltado para maiores de 50 anos

Curso gratuito via WhatsApp para adultos maiores de 50 anos é a versão em português do programa MediaWise for Seniors do Poynter Institute em parceria com o Comprova. Lillian Witte Fibe e Boris Casoy são os embaixadores do projeto no Brasil.  O Projeto Comprova, coalizão liderada pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e formada por 40 veículos de mídia que trabalham colaborativamente para verificar desinformação, está lançando no Brasil neste dia 30 de março a versão em português do MediaWise for Seniors – um programa de educação midiática desenvolvido para adultos, especialmente os maiores de 50 anos, pela iniciativa de educação midiática digital voltada às redes sociais MediaWise, da organização sem fins lucrativos Poynter Institute. O minicurso por WhatsApp foi criado para ajudar as pessoas nessa faixa etária a distinguir fatos de boatos e a lidar com a desinformação compartilhada nas redes sociais. O curso é gratuito e qualquer pessoa que tenha uma conta no

#KidsDrawPeace4Ukraine: a hashtag que incentiva desenhos pela paz

Imagem
Produtores de notícias em todo o mundo estão convidando seus leitores e espectadores mais jovens a enviar arte desejando paz e amor para as crianças da Ucrânia em todos os tipos de plataformas, usando a hashtag #KidsDrawPeace4Ukraine.  Quem organiza o projeto é a Global Youth & News Media, organização que temos o prazer de ser conselheira especial no período de 2022 - 2023. A inspiração vem do trabalho de Kleine Kinderzeintung na Áustria e do News-O-Matic nos Estados Unidos, a primeira mídia de notícias para crianças a reunir trabalhos de arte dessa natureza. O objetivo desse projeto é fornecer de forma simples uma terapia através da arte, que ajude a aliviar a ansiedade através do desenho, para crianças em todos os lugares que lidam com as inevitáveis ​​notícias desta guerra. Saiba mais sobre a Global Youth & News Media no link: https://www.globalyouthandnewsmediaprize.net/about

Inscrições abertas até 20/03 para curso online gratuito e tutorado em Global Education and Media

Imagem
O North-South Centre está lançando um novo curso online tutorado em "Global Education and Media", no âmbito do projeto iLegend II do Conselho da Europa, que acontecerá de 18 de abril e 13 de maio. O principal objetivo é refletir sobre a Media Literacy e a sua ligação com a Educação Global, fomentando o desenvolvimento de competências específicas nesta área. A chamada para participantes está aberta a educadores formais e não formais, multiplicadores de jovens, jornalistas, políticos, líderes, influenciadores e líderes empresariais; ativistas de mídia social, especialistas em alfabetização midiática/instrutores/professores, hacktivistas e gerentes de comunicação, entre outros. Haverá uma seleção para 30 participantes, que devem ter entre 18 e 30 anos e serem capazes de se comunicar em inglês (idioma do curso). Ser ativo(a) em alguma organização/plataforma de juventude ou instituição relacionada com juventude é uma vantagem. O prazo para inscrições termina no dia 20 de março. In

Algoritmos, mídias sociais e deep fake são temas de seminário na sexta, 18/02

Imagem
Na sexta, 18/02, de 14h às 15h30, acontece o seminário  “Algoritmos e mídias sociais”, que vai abordar a informação em saúde veiculada nas mídias sociais, suas potencialidades, desafios e as "deep fakes”, que favorecem a desinfomação, contra o letramento digital.  Os convidados são os pesquisadores Arthur Bezerra, do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict), que será o palestrante e Fabro Steibel, do ITC Rio, será o debatedor. De acordo com informações do Ibict: "A palestra de Bezerra tem como título “Informação em saúde nas redes sociais: potencialidades e desafios” e abordará como “as redes sociais são plataformas potencialmente úteis para a divulgação científica; porém, é preciso enfrentar o fenômeno da desinformação na saúde pública, expondo suas dimensões políticas e econômicas e seus efeitos deletérios para a sociedade”. “Deep fake, e o dia que acreditamos que marcianos invadiram a Terra : desinformação, fake news e letramento digital” é o títu

Observatório promove formação em literacia midiática

Imagem
O Observatório da Qualidade no Audiovisual promove a partir deste mês os “Seminários de Formação em Literacia Midiática”. O primeiro dos seis encontros mensais será no dia 18, terça-feira, às 14h, com inscrições gratuitas. O objetivo é refletir sobre as diferentes interfaces da competência midiática. De acordo com o observatório o primeiro encontro será um diálogo entre duas professoras e pesquisadoras da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG):  Lucimara de Paula  irá refletir sobre pensamento e a práxis educativa de Paulo Freire no campo da literacia midiática e  Márcia Barbosa  abordará três premissas propostas por Freire: Conhecimento, Autoconhecimento e Boas Práticas." Local: UFJF - Modalidade on-line (Google Meet) Data: 18/01 às 14h Transmissão: Via YouTube/Observatório da Qualidade no Audiovisual Inscrições pelo instagram: @oqaudiovisual  https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSebtnKfvwZNOk9QOhblW0QANKail6EcMjs4bEWI3f0bpE4Lnw/viewform Haverá emissão de certificado pa