Comissão debate importância da educação no combate a fake news

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) faz audiência pública na quarta-feira (27), às 9h30, para debater a importância da educação no combate à disseminação de fake news. O requerimento para a audiência é do senador Eduardo Gomes (MDB-TO).




Segundo o parlamentar, é necessário debater os impactos negativos que o fenômeno das fake news traz para as relações sociais. Entre eles, Eduardo cita “a redução da confiança no tecido social, criação de riscos à honra e à segurança das pessoas e até mesmo riscos institucionais, como desvirtuamento do processo político e do jogo democrático”.

O objetivo, explica o senador, é debater como a educação midiática pode ser utilizada para instruir as pessoas a respeito das notícias falsas, ou seja, para que elas possam ler as informações de forma crítica e possam discernir entre fato, opinião, boato e outras mensagens que circulam nas redes sociais. Dessa forma, seria possível combater as fake news sem infringir o direito dos cidadãos à liberdade de expressão.

“Julgamos que somente por meio da aprendizagem para diferenciar e criticar os diversos tipos de mensagens, além da reflexão sobre as implicações éticas daquilo que compartilhamos, podemos ajudar a construir uma sociedade em que a informação seja instrumento de coesão social, e não de anomia e descrédito”, afirma o senador no requerimento.

Para a audiência, foram convidados o coordenador-geral da Aliança Global em Mídia e Educação da Unesco, Alexandre Le Voci Sayad; o gerente-geral do Laboratório de Educação da Fundação Roberto Marinho, João Alegria; a presidente-executiva do Instituto Palavra Aberta, Patrícia Blanco; a coordenadora de campanhas da Avaaz, Laura Moraes, e o ativista da entidade Diego Casaes; e a representante da Amplifica Práticas Pedagógicas, Carla Arena.

A reunião será no plenário 15 da Ala Alexandre Costa e terá caráter interativo, com a possibilidade de participação popular.


COMO ACOMPANHAR E PARTICIPAR

Participe:
http://bit.ly/audienciainterativa
Portal e-Cidadania:
senado.leg.br/ecidadania
Alô Senado (0800 612211)


Fonte: Agência Senado (25/11/19)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Revista Escribanía com chamada aberta para artigos sobre comunicação

“Educar ya no significa transmitir y memorizar información”