Canal Futura veicula novo projeto de educação no seu canal do youtube


Fundação Roberto Marinho comemora o Dia da Educação, 28 de Abril, com novo projeto veiculado no Youtube do Canal Futura. "Classes Abertas", reforça o Movimento #Nem1PraTrás pelo terceiro ano consecutivo e é o nome do projeto que busca reunir várias aulas em uma espécie de formação continuada para quem trabalha ou se interessa pelo tema da educação, com a presença de convidados nacionais e internacionais. 

O primeiro episódio desta série acontece no próximo dia 28 de abril, às 16h, com a presença do professor da University of Southern California, Henry Jenkins, autor do livro “Cultura da Convergência e uma das pioneiras em educação midiática nos EUA, Tessa Jolls, que é CEO do Center for Media Literacy, com sede na Califórnia. A apresentação será feita por Alexandre Le Voci Sayad, CEO da ZeiGeist e apresentador da série Idade Mídia, no Canal Futura e o tema será "Educação e Mídias - Escola, Comunidade e Cultura".

O segundo episódio acontece no dia 29 de abril, às 18h, e o tema será “Informação e narrativas”. Os convidados serão o jornalista Juan Mascardi (canal de televisão Telefe Rosário), a jornalista Natália Vianna (diretora executiva da Agência Pública) e Lilian Bacich (da Trade Educação). A  mediação será feita pelo jornalista Antônio Gois, da Associação de Jornalistas de Educação (Jeduca).

No dia 30, acontece o terceiro episódio, também às 18h e o tema será “O lúdico e a experiência”, com mediação da jornalista Sil Bahia, fundadora da plataforma PretaLab, que conecta mulheres negras e empresas de tecnologia. Os convidados são: Murilo Sanches, coordenador da Colmeia Educacional; a CEO da FazGame, Carla Zeltzer, que estimula o trabalho com a Educação 4.0 para o ensino da Língua Portuguesa e Nina da Hora, que comanda o podcast Ogunhê, mostrando negros que encontraram soluções para a humanidade através da ciência.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sites para baixar ou ler livros em espanhol

O ecossistema ambiental brasileiro pede ajuda. Não assista de forma passiva essa destruição. Contribua!!!

Brasil terá Rede Nacional de Combate à Desinformação